Um Segredo Sobre O Nome de Satanás: Satanás é Deus

O Pai Satanás logo se levantará no futuro como a Verdade indiscutível da humanidade. No final, parecerá muito óbvio, mas atualmente estamos saindo de uma era de atrocidades e mentiras contra Satanás.

O próprio nome “Satan”, que pesquisadores judeus e almas sem valor sionistas decidiram caluniar, é uma das palavras mais sagradas que já foram concebidas pela língua humana. O Nome de Satanás é o verdadeiro “Nome de Deus” e o Nome da Divindade Suprema.

Em sânscrito, isso é muito bem entendido como um facto conhecido. A cultura indo-ariana e sânscrita que é conectada, herdada e criada pelos Deuses, revela o poder da palavra Sat e da palavra Satya, relacionando-as com a Verdade.

Quando Yogi Bhajan decidiu avançar com sua revelação gigante para, como ele mesmo disse, “acelerar dramaticamente a evolução espiritual da humanidade”, ele relatou o mantra “top secret” no Oriente que era conhecido pelos brâmanes como SA-TA-NA-MA.

Este mantra é agora o mais popular na Yoga Oriental.

Curiosamente, os inimigos da humanidade e de todo o desenvolvimento espiritual na terra cunharam um derivado disso como “o lorde das trevas” e cunharam Satan em hebraico para significar “O inimigo”, ou seja, o inimigo do povo judeu. Quão inocentes são eles?

Outras palavras que eles profanaram envolvem a palavra sagrada “Demónio”, que significa “Conhecedor” e literalmente “Deus”, mas também, se tornar um “Demónio” era a meta dos Mistérios do passado.

Como expliquei em algumas páginas actualizadas da Alegria de Satanás, muitos dos “Demónios” são na verdade seres humanos que ascenderam à Divindade e estão avançando cada vez mais alto. Eles são guias e protectores da humanidade. Eles têm suas categorias, níveis e cargos [mais sobre isso será actualizado na Alegria de Satanás/Joy of Satan].

À medida que os judeus e seus rabinos se esperneiam em birra pelo facto que a humanidade está a voltar para seus ancestrais, que basicamente chamamos de “Demónios”, é imperativo não ficar preso só neste assunto, mas ter isso em mente até chegar ao ponto final desta mensagem.

A teoria em que a SS Maxine terminou sua pesquisa também foi considerada no século passado como o a “passagem da Grande Raça” em direção ao Oriente. Os hindus de lá sabem que esse foi o caso. Mas gostaria de ir mais longe e dizer que...

“Antes” de termos ficado no “Oriente”, já estávamos no que chamamos de “Ocidente”, “Europa” e “Mediterrâneo”. Toda a nossa história claramente não começou tão recentemente.

A origem ancestral do povo de Satanás se estende mais para trás e, à luz de novas informações, estou inclinado a nem mesmo acreditar que o sânscrito é a língua “primária”, mas sim, que foi tirada de outra língua primária. Independente disso, esta mantém o mais alto grau de importância e santidade por causa de sua origem.

Digo isso depois de ter estudado profundamente as regras e regulamentos do sânscrito, do que sobreviveu dos manuais egípcios, examinado o babilónico [assírio/acadiano também], estudado superficialmente o latim e assim por diante, cheguei a certas conclusões que gostaria de compartilhar que são de penúltima importância. Mas isso será feito gradualmente.

Os fortes vínculos entre o grego antigo e o sânscrito apontam para mim esses dois como línguas irmãs muito próximas das dos Deuses, e também estou inclinado a acreditar que todas as falsas hipóteses do “fenício como fonte da linguagem” são apenas mais mentiras judaicas para encobrir o quão longe vai nossa pré-história.

Independente disso, os fenícios são mencionados pelos historiadores gregos antigos como sendo literalmente gregos, e mesmo sabendo disso, os historiadores linguísticos modernos têm que mentir. Ou talvez eles não saibam porque simplesmente não se importam. Outras transcrições mais enigmáticas de idiomas da Era Minoica me apontam para uma história maior não apenas do que se acreditava inicialmente, mas também maior do que o que tenhamos ‘concebido’.

O que é ainda mais óbvio é que a transferência de significados entre as duas línguas, E TAMBÉM com o egípcio, prova sem sombra de dúvida que o Pai Satanás é realmente nosso Deus ancestral e o Pai da Humanidade. Este é o ponto central que quero relatar aqui, pois a Linguagem esconde em si informações e significados.

Todas essas línguas são conhecidas por terem origem divina e, para todas as três, o Deus Thoth/Hermes é creditado por sua criação. As línguas modernas foram amplamente diluídas e contêm poucos ou nenhum elemento importante ou poderoso.

Em breve, o inimigo quer nos transformar em macacos que usam “linguagem” extremamente básica. Com isso, nossos cérebros encolherão gradualmente e cada vez menos sinapses estarão funcionando, tornando-nos completamente retardados.

Seu ataque ao inglês e a qualquer idioma que as pessoas usem, a “simplificação” forçada e a mentalidade “se não for inglês, não importa”, colocarão uma lápide em idiomas extremamente importantes que se estendem desde o nórdico antigo até o sânscrito, egípcio e, claro, grego antigo.

Também estou inteiramente certo de que, se outras línguas chegarem à descoberta adequada, encontraremos coisas ainda mais chocantes com o passar do tempo. Atualmente, estou incerto quanto à validade de mais do que alguns, incluindo as afirmações de que conhecemos a língua “sumeriana”. Acho que precisamos de muito mais trabalho nesse sentido. Génios que poderiam trabalhar nisso foram impedidos de fazê-lo.

Quem sabe o que podemos encontrar?

Também devemos lembrar que até a Suméria e outras civilizações foram descobertas “recentemente”, e que não apenas isso, mas os judeus impediram todas as pesquisas sérias sobre as civilizações que eles se gabam de terem caído ou que sua colmeia alienígena tentou exterminar, como os babilónios.

Em relação aos babilónios, os judeus roubaram uma grande quantidade de sua língua dos babilónios, do povo da Caldeia e depois dos egípcios, a quem eles também têm a coragem de atacar e difamar “in damnatio memoratie” enquanto seus livros “amaldiçoam eles por eras vindouras”. Chegou a hora de eles pagarem o preço por isso e muito mais, mas isso está além do meu ponto aqui.

Depois de ter feito uma extensa pesquisa sobre isso [tanto espiritual quanto materialmente], concluí sobre uma quantidade suprema de propriedades em relação ao verdadeiro “NOME DE DEUS”, que nada mais é do que escrito em inglês como “SATAN”, ou “SATANAS”.

As maldições e bênçãos dos judeus contra isso estão diretamente correlacionadas com os esforços judaicos para “impedir” os gentios de fazerem uso do Nome Divino. Estamos a remover isso junto com todo o resto. Mas explicarei melhor do que mais eles têm medo.

Tendo disponibilizado o acima e os pontos anteriores claros para colocar alguém na mentalidade desta mensagem, também quero mencionar um dos segredos pertencentes ao Nome do Pai Satanás. Existem muitos, e eles têm profundidade e camadas.

Vou escrever progressivamente mais e mais sobre isso, especialmente na página sobre Satanás para adicionar mais informações.

Em grego antigo o Nome seria o seguinte: Σ-Α-Τ-Α-Ν-Α-Σ.

Uma prática comum no sistema grego antigo é mover as letras de uma palavra, para encontrar significados ocultos da palavra. Isso é chamado de “anagramatismo”, em que “Ana” significa reposicionar. “Gramma” significa “letra”.

Aplicando o reposicionamento das letras de Σ-Α-Τ-Α-Ν-Α-Σ, obteremos outra palavra, que é um dos segredos mais óbvios que se escondem por trás do Santo Nome de Deus: Α-Ν-Α-Σ-Τ-Α-Σ.

Se estiveres familiarizado com o que foi dito acima, poderá reconhecer que, na verdade, algo parece estranhamente familiar nessa palavra. Bem, esta é basicamente a palavra de onde vem o nome “ANASTASIA”.

Esta palavra se traduz na famosa “Ressurreição”, porque realmente significa “O Ressuscitado”, ou ΑΝΑΣΤΑΣ.

Sabemos aqui que mesmo o nome do rabino Yehoshua da Bíblia, que mais tarde foi chamado de “Jesus Christos”, não tem nada a ver com isso. Tudo isso é outro título roubado para descrever uma história judaica pseudepigráfica como “real”.

“Jesus” é um título roubado de Zeus e da palavra “Iasis” que significa curar, e “Christos” significa “O ungido” ou o “Iniciado nos mistérios”.

Até o século II aC, quando começou a farsa judaica, os nativos não devem ter acreditado em nada disso relacionado aos judeus, que claramente ouviram isso de algum lugar e mentiram “Oy vey, o goy gosta dessa palavra, vamos fazer uma fraude total com base nela”.

Apesar de todas as palavras que roubaram, de todas as palavras que perverteram e de todas as suas inversões culturais, eles tinham plena consciência do que estavam fazendo. Os únicos que não sabiam eram suas vítimas.

O Legado do Pai Satanás também é, evidentemente, a entidade mais caluniada e a entidade menos “merecia ser caluniada” na história da humanidade. Ninguém merece mais glória do que Ele e, no entanto, a maior parte da humanidade caluniou a Ele porque adoptou mentiras e boatos dos judeus SEM avaliar o CONHECIMENTO e a VERDADE a respeito do assunto.

Em relação ao Nome do Pai Satanás, estamos a ver a profanação clara e proposital e a remoção de seu significado. Estou relatando, portanto, a VERDADE do assunto, não com base em nonsense e metodologia de judeus esquizofrênicos, mas em FACTOS evidentes.

Como todos sabemos aqui, outro tema mitológico roubado é o da Ressurreição, é muito importante, pois a “Ressurreição” que foi roubada pelos programas inimigos, está diretamente relacionada ao retorno da Serpente Kundalini da dormência caída, ao estado que nós referimos como Ressuscitado. Então, torna-se “Renascido”.

Sem meditação e sem ela, não há “segundo nascimento”, pois o ser humano permanece sem alma. Como estávamos a recuperar o conhecimento espiritual que estava perdido, o inimigo tentou novamente corromper cada vez mais para tentar se encaixar na era atual.

Isso é chamado de “ΑΝΑΣΤΑΣΙΣ”, que tem um significado duplo e significa “Colocar de volta o ponto para cima”, mas também literalmente “trazer de volta à vida”. Também significa literalmente “levantar-se dos mortos”.

O outro Nome de Satanás, que é LÚCIFER ou EOS-FOROS, é bem conhecido por ser a tradução de “Portador da Luz”.

Esta luz, é a luz da alma quando está verdadeiramente no estado de “ΑΝΑΣΤΑΣΙΣ” ou quando a Serpente se eleva novamente.

O acima, é alcançável através da restauração da alma humana e devolvê-la à função, um feito alcançável através das “Artes Satânicas”, o que provavelmente deixaria muitas gentes de fora ou crentes no dogma inimigo bastante preocupados agora, mas apenas estamos falando sobre meditação e abertura da alma.

O que foi dito acima parecerá senso comum nas próximas décadas, mas agora os cristãos estão livres para ter problemas explosivos de intestino por causa dos factos aqui declarados, isso não importa. Eles estão a acreditar numa farsa judaica.

Quando eles entenderem que o Rabino Yeshua e sua raça literalmente os enganaram em um programa não-espiritual que nada mais é do que pseudo-história judaica, que caluniam o verdadeiro Deus da Vida e Ressurreição da humanidade [Ninguém menos que o próprio Pai Satanás], todos vocês mudarão seu jeito.

O “Deus” original, “Ressurreição da alma”, “Vida Eterna”, “Cura da Alma” e tudo o que eles sofrem uma lavagem cerebral para acreditar que estão “dentro”, é exatamente onde eles estão totalmente fora: estes só existem Naquele a quem eles rejeitam, a fonte primordial que chamamos de “Satanás” e que aqui nos referimos como Pai Satanás.

Vocês podem se juntar a nós, ou podem continuar a caluniá-lo até que o fim do ciclo de ignorância nesta Yuga finalize a si mesma. E com ela, as mentiras vão descer pelo ralo junto com os mentirosos.

Para encerrar com uma frase final: SATANÁS É DEUS.

-Sumo Sacerdote Hooded Cobra 666


VOLTAR PARA PÁGINA ACERCA DE SATANÁS

© Copyright 2023, Joy of Satan Ministries;
Library of Congress Number: 12-16457

HOME PAGE